sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Juntas Soltas: Animated Voyager Bulkhead

Ah, Animated. Apenas uma série de Transformers encarou uma rejeição mais intensa ao ser anunciada do que a excelente série de 2007, odiada antes mesmo de começar por sua divergência radical de todos os padrões estéticos anteriores. Muito mais cartunesca que qualquer série anterior, na época ninguém pôs muita fé que os bonecos pudessem ser bons - afinal, era "óbvio" que o desenho trapaceava em suas transformações, e que não havia como chegar aqueles visuais "distorcidos" sem trapaças, não é?

Bem, quando Animated chegou ao seu fim em 2009, todo mundo quebrou a cara: não apenas a série havia ao seu fim entrado para o rol das melhores partes da franquia (junto com Beast Wars, a outra série odiada de antemão, enquanto Armada, celebrada como um "retorno às raízes", hoje figura entre as PIORES partes da franquia), mas seus brinquedos se demonstraram alguns dos mais fiéis e belos produtos nos 32 anos de Transformers. Somente Cybertron tinha níveis comparáveis de fidelidade entre animação e produto.

E quem melhor para demonstrar isso que o gorducho Bulkhead, um dos personagens completamente novos da série? O nome tinha sido usado antes em Energon para um estranho misto de Springer com Mestre Kame, mas o nome foi imediatamente associado ao gentil e meio aparvalhado gigante gorducho de Animated, gerando homenagens em Prime e uma homenagem mista em Age of Extinction (na forma de Hound, uma mistura de Bulkhead, Kup e, bem, Hound). Vamos ao plástico!

FORMA DE VEÍCULO


Como um veículo, Bulkhead é simplesmente o APC mais adorável que já existiu. Arredondado e fosco, o veículo blindado parece ter saído direto do desenho. Nada de gimmicks ou acessórios aqui: a única coisa que ele faz é rolar - o que faz MUITO bem.


No lugar de gimmicks e acessórios para a forma de veículo, Bukhead conta com algo que marcou a linha Animated: parte de sua transformação é automática, e o pouco que é manual é a transformação das pernas e dos painéis laterais. Desconectar a traseira de sua posição move os braços automaticamente para seu lugar enquanto empurrar a frente para trás vira a cabeça, levando à...

FORMA DE ROBÔ.


O resultado final é um robô tão arredondado que parece que vai quicar se cair no chão. Bulkhead, mais do que qualquer parte da linha, parece ter saltado direto da TV, com as mesmas pernas atarracadas, barrigão e a cabecinha do modelo de animação. Os únicos pontos negativos são os painéis nas laterais, que não tem para onde ir na transformação e o tamanho - Embora fosse um Voyager, o tamanho médio da linha, Bulkhead é um pouco mais baixo que a maioria dos deluxes de Animated. 


E que cabecinha! embora seja menor que a cabeça de muitos deluxes por aí, Bulkhead tem uma das cabeças mais expressivas em anos, com uma cara que mistura espanto e indignação (dependendo apenas do ângulo de luz) e uma mandíbula que lembra Crunch, de Mighty Orbots, ou o Mandíbula do He-Man. Montada em uma balljoint, não tem muito que essa cabeça não possa fazer. Se a mandíbula mexesse ela seria perfeita.


Falando em articulação, Bulkhead faz o impossível com suas pernas diminutas e demonstra um grau impressionante de articulação para seu tempo - e até para hoje. Carecendo apenas de calcanhares e cintura, ele conta com ratchets universais nos ombros e quadris, ratchets firmes nos cotovelos e joelhos, pinos simples nos dedos e rotações nos bíceps e acima dos joelhos.


Mais do que o suficiente para fazer perguntas...


Ou simplesmente relaxar...


Enquanto a forma de veículo tinha ZERO gimmicks, a forma de robô de Bulkhead conta com dois, ligados às alavancas em seus braços. Virando a alavanca em seu braço esquerdo, uma bola de demolição é disparada de seu punho. O projétil é preso por uma corda, e o mecanismo de disparo envolve somente e tão somente a alavanquinha: nada de molas, resultando em um disparo controlável e surpreendentemente forte para um projétil de fricção. O outro gimmick não é tão impressionante...

E no meu gif tosco, faz ele parecer estar dançando. 

Apertando a alavanca no braço direto dele com o braço reto, uma mola interna faz um "super soco"/torcida/fist pump?. Nem as instruções nem a caixa do brinquedo citam esse gimmick, que parece ter sido ignorado pela Hasbro e a Takara. Como a maioria dos gimmicks de soco, é decepcionante e sem graça. 


CONCLUSÕES FINAIS


Bulkhead - seja em sua versão voyager, seja no superior e mais detalhado Leader Class, ou em seu diminuto Activator - serve com um bom exemplo da qualidade que marcava os anos de Animated. Contrariando expectativas, os bonecos da linha representavam com um grau memorável de fidelidade os designs usados na animação, sem trapaças ou peças falsas - truques usados até hoje (basta ver os para-brisas falsos do Optimus de Combiner Wars). Não bastava isso, o alegre gigante verde ainda por cima é um dos bonecos mais afáveis que Transformers já lançou. 



Só é uma pena que não dá pra transformar o kibble das costas dele numa cadeira... Coisa que o Leader Class faz! 

4 comentários:

  1. Gostando muito das matérias do blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato! Se tiver sugestão de tópico (linha de brinquedos pro baú, boneco pro juntas soltas, quadrinho pra discorrer sobre, tema pra artigo... qualquer coisa) deixa aí e se eu tiver condições de cobrir (pq infelizmente, eu não tenho tudo no mundo) eu escrevo sobre!

      Excluir
  2. (off) Curtiu a nova série do Voltron ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi até o episódio 8, tava curtindo, mas LITERALMENTE esqueci de ver o resto.

      Excluir